top of page
  • Foto do escritorJornalista Adriana Dias

Iogurte natural e artesanal: sabor e renda

Além de delicioso, o iogurte natural é rico em fibras, sendo uma fábrica de vitaminas de vital importância para nossa saúde. Feito de forma artesanal possui mais probióticos e menos aditivos químicos, conservantes e açúcar. Com este pensamento e buscando uma maneira de agregar valor à produção de leite na Fazenda Terra Sagrada, na Linha do Bananal, região conhecida como Comunidade São João, em Passos, a produtora rural está produzindo o iogurte Produtos Da Fazenda, elaborado com o leite da propriedade e o uso de frutas da estação.

Priscila Gonçalves Medeiros, produtora


Priscila conta que sempre fez iogurtes para seu consumo, de sua família e alguns amigos. “Todos elogiavam muito meus produtos, então, surgiu a ideia de fazer o curso do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) para entender mais os processos de produção e adquirir mais conhecimento”, disse.


A produtora rural salienta que logo depois que concluiu o curso já começou a comercializar os produtos e que esta ação tem contribuído com a renda familiar. “Fiz um curso mais abrangente, não só para a produção de iogurtes, pois o iogurte eu já tinha uma noção de como se produzir, por isso comecei por eles, mas tenho intenção de adquirir um espaço maior para poder ampliar para outros produtos. Faço também o iogurte grego e o chancliche (é um tipo de queijo árabe feito com leite de vaca ou ovelha). Todos os produtos são artesanais e sem nenhum aditivo artificial”, explicou Priscila.


Para os iogurtes, a passense utiliza poupa de frutas como o maracujá, a ameixa, o morango, o coco e abacaxi, e também o iogurte natural. Priscila conta que geralmente fica na produção entre quatro e cinco dias na semana e que todo o leite utilizado é retirado da pequena propriedade da família.


Especificamente sobre o iogurte grego, Priscila lembra que ele tem inúmeros benefícios, entre eles: elevado percentual de proteína, nenhum aditivo artificial e 1 kg de iogurte é igual a 4 litros de leite.



Sobre a importância dos cursos, Priscila que trabalha ainda na informalidade, e fez os cursos de Derivados do Leite 1 e 2; Produção Artesanal de Quitandas; Produtos sem Glúten, Açúcar e Lactose, ambos pelo Senar, ela salienta que os cursos contribuíram para que ela conhecesse melhor os processos e tivesse mais qualidade na produção.

Ficou com água na boca? Então vamos à receita que Priscila vai compartilhar com os leitores e espera que todos gostem.


Iogurte natural


Ingredientes


1 litro de leite

1 potinho de iogurte natural (que tem em sua composição leite e fermento lácteo)

3 colheres de leite em pó (opcional, ele deixara o iogurte mais consistente)


Modo de fazer


Em uma panela, acrescente o leite e o leite em pó, misture bem e leve ao fogo, mas não deixe ferver. Espere esfriar até que atinja em torno de 40º C (se não possuir termômetro em casa, coloque o dedo, devidamente limpo e higienizado, no leite, você deve aguentar a temperatura por aproximadamente 5 segundos, se não aguentar é sinal que está quente e é preciso que esfrie um pouco para não correr riscos de matar o fermento. Depois repita o procedimento.


Misture no leite morno o potinho de iogurte, tampe a panela e deixe fermentar por aproximadamente 12h em temperatura ambiente. Eu faço na panela de pressão e ainda enrolo em um pano de prato para manter a temperatura e deixo em cima do fogão. Passado o tempo de fermentação, seu iogurte estará pronto. Mantenha sobre refrigeração e o consuma em até 5 dias.


Pode consumir puro ou adicionar frutas. Use sua criatividade, crie e conheça novos sabores.

Agora você já pode preparar o seu iogurte natural e utilizá-lo de várias formas.






4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page