top of page
  • Patrícia Schlindwein Sperotto

Em 2023 setor de energia solar passará a contar com taxação


Muito se fala a respeito da energia solar, mas, o que muitos ainda não sabem é que a partir de 2023 o governo anunciou que passará a aplicar taxas sobre a geração de energia. Ainda não se sabe ao certo como serão essas cobranças, porém, apesar das inúmeras especulações o fato é que hoje quem tem um sistema de geração de energia solar em sua propriedade ou residência não paga nenhuma taxa para sua utilização ou instalação e essa isenção irá até 2045.

Esse, na verdade, é um ponto de alerta para os que planejam instalar um sistema solar em sua propriedade ou residência, pois, quem fizer a instalação e tiver o sistema aprovado até Janeiro de 2023, também entrará para o grupo de isentos da taxa até o ano de 2045. A geração própria de energia solar é uma das melhores alternativas para fugir das bandeiras tarifárias e aliviar o bolso, principalmente dos produtores rurais e empresários, neste período de escassez hídrica. Na Agromap, todos os dias chegam clientes com uma série de dúvidas sobre a instalação da energia solar. Aqui estão suas principais dúvidas: - Qual o tempo para o retorno de investimento?

Geralmente entre 3 e 6 anos, variando de acordo com o consumo e valor da fatura de energia.


- É possível instalar a usina em um local e abater em outro?

Sim, para isso todas as contas devem estar no mesmo CPF ou no mesmo CNPJ. Caso o cliente queira esta opção pegar as faturas de energia recentes de todos os locais para análise.


A energia solar é uma fonte de energia limpa e renovável e auxilia na economia com os gastos em energia elétrica, além disso, ter uma usina fotovoltaica instalada valoriza seu imóvel e possibilita a geração de créditos energéticos.


A Agromap é parceira da Diafra na instalação de Usinas Solares e oferece o que há de melhor no mercado com os materiais da Weg Motores!

1 visualização0 comentário

Commenti


bottom of page